Sábado, 1 de Novembro de 2014


Acesso ao PAE
E-mail

@pc.sc.gov.br
Senha:

 

LogoONG

       
senasp

.





Santa Catarina tem primeiro Agente de Polícia Civil a comandar aeronave operacional do Saer- Serviço Aéreo Policial. PDF
Qui, 12 de Abril de 2012 17:18

alexandre_kaida_2.JPG_pFlorianópolis- O Policial Civil Alexandre Minoru Kaida pode ser considerado um exemplo de pessoa determinada.  Há apenas 6 anos na Polícia Civil ele é o primeiro Agente de Polícia a se tornar Comandante Aéreo Operacional do Saer- Serviço Aéreo da Polícia Civil Catarinense. Com força de vontade e dedicação Kaida conseguiu superar a tradição de que somente Oficiais de Instituições Militares ou, Delegados de Polícia Civil, poderiam se tornar pilotos de unidades operacionais aéreas. Além disso, a Polícia Civil Catarinense é a única do país que permite em seu quadro a formação de pilotos que não sejam Delegados de Polícia.

 

alexandre_kaida.JPG_pMas, até obter a certificação de piloto de helicóptero, Kaida passou por um árduo processo de formação. Depois de trabalhar por seis meses como agente de polícia na 1° Delegacia de Polícia de São José e na Central de Operações Policiais (COP), em 2008 ele ingressou no Saer e passou a atuar como Tripulante Operacional Multi Missão.

 

A formação como piloto:

Em 2009, por intermédio de um projeto institucional para formação de novos pilotos, o nome do Agente Kaida foi selecionado pela Polícia Civil para iniciar o processo de capacitação e certificação para pilotar helicópteros. Naquela ocasião, os requisitos necessários e impostos pela Polícia Civil para seleção dos candidatos, eram a aprovação prévia na prova teórica da Anac_ Agência Nacional de Aviação Civil e obtenção do CCF - Certificado de Capacidade Física no Hospital da Aeronáutica. Etapas que já haviam sido vencidas pelo Policial.

 

Naquele mesmo ano, obteve o brevê de PPH- Piloto Privado de Helicóptero em curso na “Edra- Escola de Aviação” de São Paulo com 36 horas de instrução prática. Em 2010 na continuidade da formação, obteve o PCH- Piloto Comercial de Helicóptero em curso na "Rangel Escola de Aviação", com 64 horas de prática.

 

Após o término desta etapa, veio a instrução continuada para Operações Policiais, pelo instrutor da unidade do Saer de Santa Catarina, Delegado Jonas Santana Pereira, etapa esta de suma importância para a carreira de piloto policial.

 

Somente agora, em abril de 2012, após acumular mais de 500 horas de vôos e operações aéreas, Kaida passou a ser um dos Comandantes da Aeronave Polícia Zero Uno, um helicóptero Esquilo B2, em uso pela Polícia Civil Catarinense.

Uma solenidade, em data a ser definida pelo Delegado Geral, Aldo Pinheiro D’Ávila, marcará o ingresso de Kaida no comando da aeronave.

 

O Agente de Polícia Darlan Emir Reitz deve completar as horas mínimas de vôo dentro de poucos dias e também passará a ocupar a posição de piloto do Saer. Atualmente, o Saer conta com 2 comandantes (Del Djalma e Agente de Polícia Kaida); 4 co-pilotos e 11 tripulantes operacionais. A tripulação atua em Operações Policiais, com cobertura de incursões urbanas por terra ou em combate aéreo, se necessário, além de resgates em altura e na água e apoio a outras instituições da segurança pública.

 

 

 

 

 

 

 181Novo

 

 

OuvidoriaGeralSC 

 

 

 Banner_-_Jogos_e_diversoes

 

 

  convocacoes

 

 

  logo_sgp_dgpc_site_pc

 

 

  SIMBA

 

 

 DO

 

 

 

ACESSO RÁPIDO

Usuários Online

 192 visitantes 
Seu IP é: 54.81.109.37

        © 2010 - 2014 Polícia Civil de Santa Catarina 
        Delegacia Geral da Polícia Civil de Santa Catarina 
        Rua Felipe Schmidt, 755 - Centro - Edif. Embaixador - Florianópolis - SC

  * Melhor visualizado na resolução 1024